(Z1) 2020 - CM de Vila do Bispo - Um concelho a descobrir
(Z4) 2021 - Concurso de Fotografia

União Geral de Trabalhadores do Algarve aprova Moção de Solidariedade para com os trabalhadores da região

União Geral de Trabalhadores do Algarve aprova Moção de Solidariedade para com os trabalhadores da região

Face à grave situação económica e social que a região atravessa actualmente, o Secretariado da União Geral de Trabalhadores do Algarve (UGT-Algarve) aprovou por unanimidade uma Moção de Solidariedade para com os cerca de 33.500 trabalhadores algarvios que se deparam com o flagelo do desemprego, muitos deles sem direito a subsídios e sem forma de garantir meios de subsistência das suas famílias.

Os Sindicatos da UGT-Algarve saúdam, igualmente, os pequenos empresários que conseguiram resistir a um ano de sucessivos estados de emergência e de restrições impostas devido à pandemia, com recurso ao lay-off, mantendo inúmeros postos de trabalho. No entanto, lamentam que os apoios do estado não tenham sido mais céleres e abrangentes no sentido de apoiar as muitas empresas que se viram na eminência de encerrar portas devido ao acumular de dificuldades financeiras, desde Março de 2020.

A UGT está mais do nunca solidária e empenhada em apoiar a mitigação do desemprego através do seu Gabinete de Inserção Profissional que funciona em Faro, em estreita articulação com o Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP), bem como, por via de acções de formação, promovidas por todo o Algarve, pretendendo, sobretudo, melhorar as qualificações e a empregabilidade dos trabalhadores na região algarvia.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos