(Z1) 2020 - CM de Vila do Bispo - Um concelho a descobrir
(Z4) 2022 - Projecto Águas Sem Fronteiras

Assembleia Municipal de Lagos: Por uma nova resposta de creche em Espiche

Assembleia Municipal de Lagos: Por uma nova resposta de creche em Espiche

A Assembleia Municipal de Lagos na 1.ª Reunião da sua Sessão Ordinária de Abril/2022, realizada no dia 26 de Abril, aprovou uma Proposta para que a Câmara Municipal dê início a um projecto para uma nova resposta de creche no Concelho.

“São conhecidas as dificuldades que as jovens famílias encontram na hora de encontrar lugar para os seus bebés por forma a que possam reingressar em pleno a vida profissional.

Considerando que:

- Na última década não foi criada qualquer novo equipamento de creche. E de acordo com os últimos censos de 2021 os agregados familiares de Lagos cresceram 12% desde 2011

- As últimas respostas de creche surgidas no concelho são particulares.

- O tempo que medeia entre o projecto e abertura concreta de um equipamento desta natureza envolve bastante tempo.

- E que importa acompanhar esta necessidade mais interessando ao município criar condições para estimular ou criar novas respostas de creche no concelho.

E considerando ainda que:

- Com a abertura do Centro Escolar da Luz, as novas escolas primárias devolutas são exemplos candidatos a projectos de adaptação, traduzindo-se assim num custo e morosidade reduzida quando em comparação com uma construção nova.

- E que o espaço da Escola primária de Espiche, pela sua localização de passagem para as localidades de Barão de São João e de Almádena - três localidades sem qualquer equipamento de creche - poderá justificar-se como um local adequado e vantajoso para os futuros beneficiários, incluindo os que utilizam outras respostas de creche.

A Assembleia Municipal, reunida no dia 26 de Abril de 2022, delibera:

1 - Que a Câmara Municipal dê início a um projeto para uma nova resposta de creche no Concelho despoletando para isso os necessários estudos e protocolos com IPSS.

2 - Dar conhecimento desta proposta às IPSS que já operam este tipo de resposta social no concelho, à Assembleia de Freguesia da Luz e à comunicação social.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos