(Z1) 2020 - CM de Vila do Bispo - Um concelho a descobrir

Servilusa renovou logótipo após 17 anos

Servilusa renovou logótipo após 17 anos

A Servilusa mudou toda a sua imagem institucional, alterando o logótipo, pela primeira vez em quase 20 anos. Uma aposta na inovação, que se vai refletir em todos os suportes, assumindo-se, segundo a mesma, como «uma empresa mais compatível com era digital que vivemos».

Representando um investimento de 170.000 euros, a evolução efectuada na marca está visível no novo logótipo, decoração de lojas e viaturas da Empresa, nas fardas, materiais funerários e outros suportes, numa actualização total em toda a sua imagem.

A imagem da Servilusa foi inicialmente criada em 2003, quando nasceu o maior grupo funerário do país, o que representou uma alteração do negócio e nas empresas, assim como na modernização da actividade funerária.

O director geral de negócio da Servilusa, Paulo Moniz Carreira, explica que «2020 foi o ano em que se deu o novo passo na imagem da Servilusa, apesar de não ter ficado muito visível, em alguns suportes, por causa da Pandemia. Manteve-se o conceito de homenagem e continuou a materialização desse conceito na flor no logótipo. O desafio foi actualizar o desenho às exigências de uma imagem com os valores de rigor, profissionalismo e respeito, bem como de um mundo cada vez mais digital, mais dependente do imediatismo, da leitura e descodificação rápida». Acrescenta ainda que «a flexibilidade gráfica do logo permite encontrar pontos comuns de comunicação onde a empresa esteja presente, online e offline. Depois deste trabalho ficámos mais próximos, mais líderes e mais simples».

O rebranding da Servilusa foi um trabalho realizado pela 5002, sob direcção criativa do seu partner cofundador, Jorge Coelho. Para a empresa que materializou as ideias, este também foi um grande desafio, nas palavras de Jorge Coelho: «A sensibilidade do tema foi, sem dúvida, o maior desafio deste projecto. Do ponto de vista criativo e do desenvolvimento gráfico estávamos perante um rebranding, no qual, como sempre, era importante rejuvenescer a marca, aperfeiçoá-la, dotá-la de novas características e valores de modernidade, sem, no entanto, esquecer o património e a história já construída».

A nova imagem da Servilusa já está a ser usada desde 2020 em todos os suportes físicos, no digital, OOH e imprensa.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos