(Z1) 2020 - CM de Vila do Bispo - Um concelho a descobrir
(Z4) 2021 - Concurso de Fotografia

ALGFUTURO: «Campainhas de alarme» obrigam a avançar com Plano Económico

ALGFUTURO: «Campainhas de alarme» obrigam a avançar com Plano Económico

Na óptica da ALGFUTURO, os sucessivos adiamentos quanto ao controlo do novo coronavírus criaram uma situação de pânico generalizado, justificando «a máxima pressão junto de todas as entidades oficiais», num «lancinante pedido de socorro», com empresas a falir, desemprego a aumentar e fome a persistir.

Os dirigentes da União Empresarial do Algarve consideram ser «irresponsável» e atentar contra os direitos da região e suas populações «silenciar a realidade».

«Está tudo claro, com a Páscoa cada vez mais em risco e um Verão difícil, agravado pela promoção negativa provocada pelo caos humano que se vive», comentou o núcleo.

O dito plano [Plano Económico para o Algarve 2021] já foi apresentado às mais altas entidades de Portugal e União Europeia, depois de uma detalhada exposição ao Presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Algarve (CCRA).

Segundo a ALGFUTURO, a preocupação é «fundamentada». Por sua vez, o INE [Instituto Nacional de Estatística] faz uma previsão de queda para 2020, a nível nacional, com valores da ordem dos 12 ou 13%.

Nesta oportunidade, a ALGFUTURO salienta que, «projetando para o Algarve e tendo em conta que o Turismo tem impactos determinantes em cerca de 60 a 70% da economia (ver quadro e gráfico), isso poderá implicar uma queda no VAB (Valor Acrescentado Bruto/empresas por município da sede) a rondar as cinco vezes a queda nacional». Por isso, garante a ALGFUTURO como sendo essencial haver apoios imediatos, a fim de preparar o lançamento do plano apresentado.

Medidas propostas

Hospital Central; Requalificação geral da região: preparar campanhas de promoção; fim das portagens; não autorização de grandes superfícies durante seis anos; suspensão das aquacultura off-shore que colidem com os pesqueiros da pesca artesanal; Iniciar trabalhos de revitalização das Zonas de Baixa Densidade; Rápida aprovação da "Solução Guadiana" para reforço do abastecimento de água; Estudo-base para diversificar a economia.

«O Algarve é a região mártir de Portugal e das piores a nível europeu e ninguém pode fechar os olhos perante isto», conclui o grupo.

Confira abaixo o gráfico disponibilizado pela ALGFUTURO.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos