(Z1) 2020 - CM de Vila do Bispo - Um concelho a descobrir
(Z4) 2024 - CM Lagos - Arte Doce

Loulé presente na Urbact University’23 em Malmö

Loulé presente na Urbact University’23 em Malmö

Dando continuidade ao trabalho desenvolvido desde 2015 no âmbito dos projetos europeus “Vital Cities – Make you Active” e “Healthy Cities”, o Município de Loulé integra o projeto europeu “One Health 4 Cities”, depois da candidatura ao mesmo ter sido uma das selecionadas pela Comissão Europeia, através do Comité de Monitorização URBACT.

Neste sentido, foi uma das quase 500 cidades europeias a marcar presença na Urbact University’23, evento de capacitação para os atuais representantes das cidades URBACT de toda a Europa, e que teve lugar nos dias 28, 29 e 30 de agosto, em Malmö, na Suécia.

O Município de Loulé esteve representado pelo coordenador do projeto, Tiago Guadalupe que, no final do evento, realçou que a participação neste importante evento de carácter transnacional, alicerçada na rede programática da União Europeia”. “Constituiu a consolidação do trabalho que está a ser desenvolvido ao longo dos últimos anos pela Autarquia de Loulé e que tem sido um valor acrescentado para o concelho, por exemplo, ao nível da requalificação de algumas áreas urbanas e do surgimento de projetos como o ‘Verão Ativo’ ou até ‘Bicicleta vai à Escola’, destinado a crianças que frequentem o pré-escolar e o 1º ciclo (dos 3 aos 10 anos) nos estabelecimentos de ensino do concelho. Foi, ainda, uma oportunidade para uma profícua troca de experiências e de aprendizagens com outros parceiros europeu,s além de reforçar e consolidar o papel do município no seio da Urbact e na rede ‘One Health 4 Cities’, liderada pela cidade de Lyon, França”, considerou.

O projeto “One Health 4 Cities” propõe criar uma rede de cidades de forma a abordar os desafios da saúde humana de forma integrada, partindo, no caso de Loulé, de uma abordagem centrada na promoção da atividade física informal e de hábitos de vida saudáveis de forma a fortalecer a saúde a nível local e melhorar a resiliência das populações. As cidades podem considerar ações de diferentes pontos de vista e por meio de políticas diferentes, mas a perspetiva da saúde global irá fornecer uma estrutura comum e irá permitir desenvolver metodologias de ação e partilha.

Refira-se que, neste contexto este contexto, foi anunciado que uma comitiva liderada pela cidade de Lyon e pelo "Lead Expert" do projeto visitará o concelho de Loulé, no início de novembro, para uma visita técnica com o objetivo de conhecer "in loco" as características e possibilidades oferecidas pelo município para a implementação de políticas de transformação urbana. Durante referida visita, serão realizadas reuniões com representantes municipais e alguns parceiros locais sendo que, alguns locais estratégicos serão visitados a fim de explorar oportunidades de desenvolvimento e implementar ações concretas no âmbito da rede “One Health 4 Cities”.

A par de Loulé, fazem parte da rede “One Health 4 Cities” as cidades de Lyon (França), Estrasburgo (França), Suceava (Roménia), Kuopio (Finlândia), Lathi (Finlândia), Benissa (Espanha), Elefsina (Grécia) e Munique (Alemanha).

  • PARTILHAR   

Outros Artigos