(Z1) 2024 - CM de Aljezur - Aljezur Sempre
(Z4) 2024 - CM Lagos - Agenda de Eventos

Fundos europeus geridos pelo cresc algarve 2020 apoiaram a qualificaçâo do património cultural na região - Em destaque: Museu José Formosinho em Lagos

Fundos europeus geridos pelo cresc algarve 2020 apoiaram a qualificaçâo do património cultural na região - Em destaque: Museu José Formosinho em Lagos

No final do mês de fevereiro, o programa Algarve 2020 em fase de encerramento, alcançou os 99,52% de execução, com uma taxa de compromisso nos 113,78% (números provisórios com dados reportados a dezembro de 2023). 

No final do mês de fevereiro, o programa Algarve 2020 em fase de encerramento, alcançou os 99,52% de execução, com uma taxa de compromisso nos 113,78% (números provisórios com dados reportados a dezembro de 2023).

Os investimentos elegíveis aprovados no CRESC Algarve 2020, na área do Património Natural e Cultural, totalizaram 37,4 Milhões de euros de investimento com uma comparticipação de fundos europeus de 25,2 Milhões de euros (Eixo 4 FEDER).

O projeto de Remodelação, Modernização e Dinamização do Museu Municipal Dr. José Formosinho, com um investimento total elegível de 4.482,570 € e apoiado em 3.040,197 €, pelos Fundos Europeus, através do Programa Operacional Regional CRESC Algarve 2020, é um dos investimentos em destaque.

As intervenções apoiadas para esta Remodelação, Ampliação, Modernização e Dinamização do Museu Municipal Dr. José Formosinho, contemplam 2 núcleos: o Núcleo Primitivo e o Núcleo de Arqueologia que assumem uma lógica de conteúdos distinta encontrando-se o 1º concluído e em funcionamento e o 2º ainda em curso, prevendo-se a abertura em 2 meses com um espaço exterior onde foram descobertos vestígios de um conjunto edificado da cidade (Séc. XIV/XV) e a reabilitação de 2 naves pertencentes à antiga cadeia de Lagos (Séc. XVI), nas quais serão disponibilizados objetos e informação que permitirão contribuir para a compreensão da história da cidade.

Esta operação, da iniciativa do Município de Lagos, visou a requalificação de um equipamento estruturante para reforçar a qualidade e a diversificação da oferta turística regional, funcionando como mobilizador para a atração de novos públicos para a Região, prevendo-se um aumento do número de visitantes de 5.000 visitantes/ano.

Após esta intervenção, o Museu de Lagos Dr. José Formosinho, foi galardoado em 2022, pela Associação Portuguesa de Museologia, tendo recebido uma menção honrosa na categoria de “Museu do Ano” dos prémios da Associação Portuguesa de Museologia (APOM), e em 2023, foi nomeado para Museu Europeu do Ano 2023 (EMYA).

Ao prémio EMYA, podem concorrer museus dos 47 países europeus que tenham aberto recentemente ou sido alvo de obras de modernização ou alargamento nos últimos três anos. Na edição do ano anterior, o vencedor foi o MindMuseum, na Holanda.

Estas distinções reconhecem a qualidade da exposição permanente do museu que, após passar por obras de reabilitação, apresenta um novo visual, uma nova programação dos conteúdos, a conservação e restauro do acervo e uma valorização da coleção exposta, que permite dar a conhecer a nossa história, cultura, tradições e arte.

O Projeto de Acessibilidades do Museu de Lagos Dr. José Formosinho, que contempla a adaptação a visitantes invisuais e surdos, através da implementação de áudio guias descritivos e vídeos de linguagem gestual entre outras ferramentas, foi também merecedor de destaque como finalista nos prémios EXPONE da Andaluzia, atribuídos pela AMMA – Associação de Museólogos e Museógrafos da Andaluzia, para a categoria de Melhor Projeto Expositivo Internacional de entre as mais de 50 candidaturas que integravam participantes de mais de 10 países ibero-americanos.

Meramente honoríficos e de reconhecimento do trabalho profissional, os prémios EXPONE distinguem as boas práticas e inovação em museus e exposições, premiando projetos inclusivos, acessíveis e sustentáveis.

O investimento e apoio dos Fundos Europeus no projeto de Remodelação, Modernização e Dinamização do Museu Municipal Dr. José Formosinho, contribuiu para o importante reconhecimento e projeção do Património Cultural do Algarve.

Conheça melhor o projeto através do vídeo disponível no seguinte link:

https://www.rtp.pt/noticias/rtpeuropa/museu-de-lagos-acessivel-a-invisuais_v1469392

  • PARTILHAR   

Outros Artigos