(Z1) 2020 - CM de Vila do Bispo - Um concelho a descobrir
(Z4) 2023 - CM Lagos - Marchas Populares

Especialistas juntam-se no Algarve para debater futuro da floresta mediterrânica

Especialistas juntam-se no Algarve para debater futuro da floresta mediterrânica

Encontro integra uma conferência e uma visita ao interior do Concelho de Loulé.

Engenheiros florestais, cientistas e investigadores, oriundos de várias partes do país, vão juntar-se na região algarvia para analisar o estado atual da floresta mediterrânica e debater medidas que promovam a sua preservação e valorização.

A iniciativa decorre no âmbito do projeto europeu ‘Valorização e Aproveitamento da Floresta Mediterrânica, o caso do Concelho de Loulé’, desenvolvido pela Fundação Manuel Viegas Guerreiro e pela Câmara Municipal de Loulé, com o apoio da Universidade do Algarve.

O programa do encontro estende-se ao longo de dois dias, arrancando com a Conferência Final do projeto no dia 01 de junho, às 09h30, no Auditório Verde, da Faculdade de Ciências e Tecnologia, no Campus de Gambelas da Universidade do Algarve.

Durante a manhã, os convidados são Helena Freitas, professora e investigadora na Universidade de Coimbra, Eduardo Chia, investigador do INRAE - Institut Nacional de Recherche pour l'agriculture, l'alimentation et l'environnement -, Nuno Ribeiro, docente da Universidade de Évora e membro do Colégio de Engenharia Florestal da Ordem dos Engenheiros, e Castelão Rodrigues, do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF). A importância da floresta para a economia e sustentabilidade e a gestão/governança das áreas rurais de baixa densidade serão alguns dos temas em foco.

Já após a pausa para almoço, a partir das 14h30, serão apresentados os resultados do projeto por Maria de Belém Costa Freitas e Carla Antunes, ambas investigadoras e docentes da Universidade do Algarve. Por seu turno, António Xavier apresentará ‘O cadastro rural de Loulé’ e Ana Valentina Masso dará a conhecer os resultados do inquérito aos produtores florestais, levado a cabo no decorrer do projeto.

A tarde termina com uma mesa-redonda sobre o tema ‘A floresta no Concelho de Loulé - que futuro?’, cuja moderação estará a cargo da jornalista Elisabete Rodrigues.

O evento prossegue no dia 02 de junho, altura em que os convidados farão uma visita guiada ao interior do concelho de Loulé, durante a qual poderão conhecer alguns produtores florestais da Serra do Caldeirão e ter contacto direto com as atividades que desenvolvem, todas elas relacionadas com produtos da floresta mediterrânica.

O projeto ‘Valorização e Aproveitamento da Floresta Mediterrânica, o caso do Concelho de Loulé’ resulta de uma candidatura conjunta entre a Fundação Manuel Viegas Guerreiro e a Câmara Municipal de Loulé, ao abrigo do Plano de Ação de Desenvolvimento de Recursos Endógenos (PADRE).

A Conferência Final é um evento público e gratuito, embora sujeito a inscrição, que pode ser realizada através do site www.florestamediterranica.pt.

Haverá também transmissão via streaming no canal de YouTube da Fundação.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos