(Z1) 2024 - CM de Vila do Bispo - Festival do Perceve
(Z4) 2024 - CM Lagos - Agenda de Eventos

Em Abril, Loulé alerta para maus-tratos na infância

Em Abril, Loulé alerta para maus-tratos na infância

À semelhança do que tem acontecido nos últimos anos, em abril, a CPCJ de Loulé vai assinalar o Mês da Prevenção dos Maus-Tratos na Infância com algumas iniciativas, alertando a comunidade para esta problemática social mundial.

Desde logo, ao longo de todo o mês, o edifício dos Paços do Concelho vai estar iluminado a azul – a cor que simboliza este movimento. As varandas deste edifício vão estar decoradas com o símbolo da campanha: o Laço Azul.

No dia 30 de abril, pelas 10h30, no Jardim das Comunidades, em Almancil, a CPCJ de Loulé irá dinamizar a iniciativa Laço Azul Humano, contando com a participação dos alunos do Agrupamento de Escolas de Almancil. Está prevista também uma atuação alusiva ao tema dos maus-tratos na infância, pelo grupo de Jovens do Projeto Mud@ki.

Recorde-se que o “Movimento do Laço Azul” teve origem em 1989, nos Estados Unidos, quando uma avó, depois de saber que os seus netos tinham sido vítimas de maus-tratos por parte dos pais, amarrou um laço azul à antena do seu carro, num gesto de alerta para o combate aos maus-tratos na infância. As crianças apresentavam nódoas negras pelo corpo e o neto acabou mesmo por ser assassinado pelos progenitores.

Desde então o movimento espalhou-se a nível mundial e foi decisivo no despertar das consciências da população, em relação aos maus-tratos contra as crianças e para a importância da prevenção, promoção e proteção dos seus direitos, como forma de apoiar as famílias e fortalecer as comunidades, nos esforços necessários para prevenir o abuso e a negligência infantil.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos