(Z1) 2020 - CM de Vila do Bispo - Um concelho a descobrir
(Z4) 2024 - CM Lagos - Programa Vacinação Infantil

Sete vitórias portuguesas no arranque do Vale do Lobo Open I

Sete vitórias portuguesas no arranque do Vale do Lobo Open I

Kyle Edmund é a maior vedeta do quadro principal

Os portugueses Tiago Boschmans, Diogo Marques, João António, Tomás Almeida, Tomás Cortez, Afonso Portugal e André Stewart apuraram-se, este domingo, para a segunda de três rondas do qualifying do Vale do Lobo Open I, o primeiro de dois ITF M25 organizados de forma consecutiva (12 a 19 e 19 a 26 de novembro) pela Federação Portuguesa de Ténis na Vale do Lobo Tennis Academy, no Algarve.

O primeiro a seguir em frente foi Afonso Portugal, que não cedeu qualquer jogo a caminho da vitória (6-0 e 6-0) sobre o compatriota Tomás Tenil para marcar encontro com Rayane Oumaouche (1419.º e 12.º cabeça de série) na segunda ronda.

Tal como ele, também Tiago Boschmans levou a melhor num encontro 100% português logo pela manhã, mas ao superar João Portugal por 7-5 e 7-5. Desta forma, o jovem de 18 anos agendou encontro com o terceiro pré-designado, o alemão Leopold Zima (903.º).

O outro português a seguir em frente às custas de um compatriota foi Diogo Marques. Apenas dois dias depois de vencer o título de pares masculinos no Campeonato Nacional Absoluto ao lado de Martim Simões, o jogador do Clube de Ténis de Setúbal confirmou o favoritismo contra Daniel Silva (6-2 e 6-1) e avançou de forma autoritária para a segunda eliminatória. Segue-se o encontro com o italiano Peter Buldorini (1068.º), o quinto mais cotado do qualifying.

As outras vitórias portuguesas foram registadas por João António (6-1, 2-1 e desistência do espanhol Sergio Davila Godoy), Tomás Almeida (6-4 e 6-1 sobre o australiano Anthony Popyrin), Tomás Cortez (6-0 e 6-2 contra Shiva Swaroop Jayagopi) e André Stewart (6-3 e 6-1 perante Russell Henderson).

Os sete portugueses vencedores desta jornada inaugural juntaram-se a Francisco Rocha (1150.º ATP) e Gonçalo Falcão (1659.º), que por serem cabeças de série — respetivamente sexto e 15.º — não precisaram de jogar a primeira ronda.

A lista de inscritos no quadro principal do Vale do Lobo Open I é liderada pelos franceses Jules Marie (254.º) e Lucas Poullain (256.º) e tem como líderes da comitiva portuguesa Henrique Rocha (288.º) e Jaime Faria (411.º), que no sábado discutiram o título de campeão nacional absoluto, com a vitória a sorrir ao mais novo e melhor classificado na hierarquia.

O nome mais conhecido é o de Kyle Edmund, britânico de 28 anos que chegou a ser número 14 do ranking mundial em outubro de 2018 (o ano em que atingiu as meias-finais do Australian Open) e que atualmente figura no 535.º lugar depois de lidar com várias lesões no joelho esquerdo e nos pulsos.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos