(Z1) 2024 - CM de Vila do Bispo - Festival do Perceve
(Z4) 2024 - CM Lagos - Agenda de Eventos

Henrique Rocha eliminado nos quartos de final do Faro Open

Henrique Rocha eliminado nos quartos de final do Faro Open

32.ª edição ficou sem representantes portugueses

Final de pares 100% francesa

O português Henrique Rocha foi afastado nos quartos de final de singulares do Faro Open, um resultado que deixou a 32.ª edição sem representantes portugueses em prova. Dotado de 25.000 dólares em prémios monetários, o torneio é organizado pelo Centro de Ténis e Padel de Faro entre os dias 19 e 26 de fevereiro com os apoios da Câmara Municipal de Faro e da Federação Portuguesa de Ténis.

Depois de nove vitórias consecutivas, o jovem maiato de 18 anos (854.º classificado no ranking ATP) cedeu pelos parciais de 2-6, 6-1 e 6-4 para Martin Damm, norte-americano de 19 anos que está na 446.ª posição da tabela.

A atravessar a melhor fase da ainda curta carreira, Rocha começou o encontro muito agressivo e conseguiu explorar as maiores debilidades do norte-americano da linha de fundo. Mas a reação foi praticamente imediata e desde os primeiros instantes do segundo parcial que Damm tirou proveito de uma pancada de serviço particularmente agressiva para equilibrar o braço de ferro.

O encontro ficou concluído com o mais equilibrado dos três parciais, que se resolveu com uma única quebra de serviço ao quinto jogo. Com algumas dificuldades de movimentação, Rocha desistiu às dores num pé e ao cansaço acumulado ao longo das últimas duas semanas e ainda ameaçou o contra break ao 3-4, a última oportunidade antes da troca de bolas, só que o norte-americano guardou o melhor do seu serviço para quando mais precisou e, com três ases e um serviço ganhante, deixou duas duplas faltas para trás e segurou a vantagem. No derradeiro jogo do encontro o jovem português ainda voltou a ter uma oportunidade, mas com bolas novas Damm resistiu e celebrou efusivamente a vitória.

Afastado ao cabo de 1h57, Henrique Rocha sofreu a primeira derrota nos últimos 10 encontros — chegou a este torneio com o primeiro troféu da carreira, conquistado em Vila Real de Santo António — e deu por concluída a prestação no Faro Open, que ficou sem portugueses.

Quanto a Martin Damm, enfrentará nas meias-finais Lucas Poullain. Um dia depois de afastar Pedro Sousa, o francês (atual 849.º e vice-campeão do torneio em 2021) superou o compatriota François Musitelli (1427.º) por 6-2 e 6-3.

Na metade oposta do quadro, a vaga na decisão de singulares será discutida entre o francês Timo Legout (494.º) e o checo Michael Vrbensky (364.º). O primeiro superou Imanol Lopez Morillo por 6-3 e 6-3, o segundo derrotou August Holmgren por 7-6(5) e 7-6(6).

As meias-finais de singulares terão início às 10h30. Depois, nunca antes das 14h30, a final de pares será discutida entre quatro jogadores gauleses: Lucas Poullain e Clement Tabur, que derrotaram Matej Vocel e Michael Vrbensky por 1-6, 6-1 e 10-6, e Antoine Hoang e Gregoire Jacq, responsáveis pelo afastamento de August Holmgren e Christian Sigsgaard pelos parciais de 6-2 e 6-3.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos