(Z1) 2024 - CM de Aljezur - Aljezur Sempre

Instituição Financeira de Desenvolvimento apresenta actividades em Bruxelas

Instituição Financeira de Desenvolvimento apresenta actividades em Bruxelas

A Instituição Financeira de Desenvolvimento (IFD), em parceria com o Ministério da Economia (ME) e a Representação Permanente de Portugal Junto da União Europeia (REPER) organizou ontem o evento Investing in the EU: The Role of National Promotional Banks – The Portuguese Case - cerimónia que decorreu na Representação Permanente Portuguesa, em Bruxelas, e contou com a presença do Ministro Adjunto e da Economia, Pedro Siza Vieira.

O momento serviu para apresentar as actividades da IFD, instituição financeira promocional Portuguesa que, desde 2017, acelerou significativamente o montante de financiamento direccionado a pequenas e médias empresas de média capitalização (midcaps), ultrapassando os €950 milhões.

O Grupo Banco Europeu de Investimento (BEI) apresentou as suas actividades em Portugal e salientou os benefícios da sua parceria com a IFD. Também a Comissão Europeia, através da DG ECFIN, interveio no evento, apresentando as perspetivas sobre a implementação do novo fundo InvestEU. A IFD tem vindo a operacionalizar soluções de financiamento, através de garantias, empréstimos e instrumentos de capital, que contribuem para facilitar o acesso ao financiamento e para a estabilização da situação financeira das empresas e reforço da sua autonomia financeira.

Até ao momento, a IFD obteve financiamento de €450 milhões, garantido pelo Banco Europeu de Investimento (BEI) e pelo Banco do Conselho da Europa (CEB) e gere €534 milhões de fundos com origem nacional e comunitária, com origem no IAPMEI e nos programas operacionais do Portugal 2020. Ao atrair capitais privados com os instrumentos financeiros de política pública, a IFD contribui decisivamente para a redução de insuficiências de mercado. Os instrumentos financeiros geridos pela IFD podem atualmente fornecer financiamento de mais de € 2,710 milhões a PME e midcaps. Volvidos quase cinco anos desde a sua criação, foi possível estabelecer parceria com o sistema nacional de garantia mútua e 14 bancos portugueses, com o Fundo Europeu de Investimento (FEI), com 18 fundos de Venture Capitals e 59 sociedades de Business Angels, tendo em vista disponibilizar canais complementares de oferta de financiamento às empresas. A IFD é uma instituição grossista, que disponibiliza os seus instrumentos financeiros através desta rede de intermediários financeiros, numa lógica de complementaridade, suprindo falhas de mercado.

A IFD desenvolveu ainda uma importante rede de relações internacionais, passando a integrar a NEFI (Network of European Financial Institutions for Small and Medium Enterprises), a ELTI (European Associations Long-term Investors), a Invest Europe, a EVFIN (European Venture Fund Investors Network) e os conselhos consultivos técnicos do Grupo EIB (European Investment Bank), de forma a partilhar e implementar as melhores páticas a nível europeu de investimento e financiamento de empresas.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos