(Z1) 2020 - CM de Vila do Bispo - Um concelho a descobrir
(Z4) 2022 - Projecto Águas Sem Fronteiras

Estação náutica de Odemira em destaque na Feira de Turismo do SW

Estação náutica de Odemira em destaque na Feira de Turismo do SW

“Estação Náutica de Odemira, contributo para o desenvolvimento do Turismo Náutico” é o tema do colóquio agendado para a próxima sexta-feira, dia 17 Junho, a partir das 15.00 horas, no Colégio Nossa Senhora da Graça, em Vila Nova de Milfontes, promovido no âmbito do programa da FEITUR – Feira de Turismo do SW.

A sessão de abertura conta com a presença de Hélder Guerreiro, Presidente da Câmara Municipal de Odemira. O primeiro tema em agenda é “Rede de Estações Náuticas de Portugal”, apresentado por António José Correia, da Fórum Oceano e Coordenador da Rede das Estações Náuticas de Portugal. Segue-se a apresentação do tema “Estação Náutica de Odemira”, por Ricardo Cardoso, Vice-Presidente da Câmara Municipal de Odemira e responsável pela Coordenação da Estação Náutica de Odemira. “Estação Náutica de Lagos - do náutico ao turismo de experiências" é o tema apresentado por Rui Calado, da Estação Náutica de Lagos. O último tema incide sobre “Internacionalizar + Estações Náuticas do Alentejo", por Tiago Santos do Sines Tecnopolo, e Alexandra Correia, da Adral - Agência de Desenvolvimento da Região Alentejo.

A Sessão de Encerramento estará a cargo de António Lacerda, da ARPTA – Agência Regional de Promoção Turística do Alentejo / Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo.

O final da tarde de sexta-feira fica marcado pela inauguração oficial da FEITUR – Feira de Turismo do SW, a partir das 18.00 horas. Até domingo, dia 19 de Junho, o certame propõe actividades na natureza, gastronomia, cultura, desporto e animação, junto ao Estuário do Rio Mira, em Vila Nova de Milfontes.

A FEITUR aposta na promoção de Odemira e do Sudoeste Alentejano como destino privilegiado para o turismo activo e de natureza e é promovida em parceria entre o Município de Odemira e a Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos