(Z1) 2020 - CM de Vila do Bispo - Um concelho a descobrir
(Z4) 2024 - CM Lagos - Programa Vacinação Infantil

Escolas do Turismo de Portugal promovem gastronomia portuguesa no Uruguai

Escolas do Turismo de Portugal promovem gastronomia portuguesa no Uruguai

Chefe de Cozinha da Escola de Hotelaria e Turismo do Algarve ensina pratos típicos portugueses a alunos de hotelaria e profissionais da restauração da cidade de Colónia de Sacramento

Se for de férias para o Uruguai e passar pela cidade de Colónia de Sacramento, não se admire se encontrar no menu dos restaurantes pratos que cheiram e sabem a Portugal.

As Escolas do Turismo de Portugal participaram numa ação de promoção da gastronomia portuguesa levada a cabo, no final de outubro, pela Embaixada de Portugal naquele país da América do Sul.

Dar a conhecer o riquíssimo património gastronómico português, que é hoje um pilar da oferta turística de Portugal, e incentivar a presença dos nossos pratos tradicionais e doçaria nos estabelecimentos de Colónia de Sacramento foram os objetivos desta campanha que decorreu em colaboração com o Turismo do Uruguai.

Situada no Sudoeste do Uruguai, Colónia de Sacramento tem Portugal profundamente enraizado nas páginas da sua história e na cidade que é hoje.

Em 1680 os portugueses fundaram este assentamento, palco de conflitos constantes entre Espanha e Portugal. Colónia de Sacramento foi ocupada e perdida 7 vezes pelos portugueses mas hoje é conhecida como a ‘cidade portuguesa’, que evoca a Lisboa antiga com a sua arquitetura típica e ruas sinuosas. Em 1995 Colónia de Sacramento foi declarada Património Mundial da Unesco.

Os chefes Abílio Guerreiro, da Escola de Hotelaria e Turismo do Algarve e Paula Domingues, da Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste realizaram uma série de workshops no Instituto de Hotelaria e Culinária de Colónia, destinados aos alunos e professores deste Instituto e ainda aos profissionais da restauração e hotelaria da cidade.

Ameijoas à Bulhão Pato, Cataplana de Peixe, Pataniscas de Bacalhau e Migas à Alentejana foram alguns dos pratos tradicionais ensinados, a que se juntaram ícones da doçaria portuguesa como Pastéis de Nata, Pudim Abade de Priscos, Arroz Doce e Bolo-Rei.

«A experiência foi muito enriquecedora. Sentimo-nos em casa, parece que estamos numa vila portuguesa. Há uma grande proximidade em termos culturais. Tivemos oportunidade de treinar alunos e profissionais do setor de restauração no Uruguai, capacitando-os para incluir pratos regionais portugueses nos seus estabelecimentos. Desta forma, estamos a promover a nossa cultura gastronómica junto de agentes locais que trabalham turisticamente a relação histórica da cidade com Portugal. Agora, é-lhes muito fácil incluírem um prato português no menu dos restaurantes», referiu o chefe Abílio Guerreiro, da EHTA.

Das ruas e monumentos da cidade para os pratos dos restaurantes; da História e cultura para os cheiros e sabores… a influência portuguesa ganhou ainda mais peso como elemento distintivo da oferta turística de Colónia de Sacramento.

A presença dos chefes das Escolas do Turismo de Portugal nesta cidade do Uruguai suscitou a curiosidade dos órgãos de comunicação social. Duas estações de televisão realizaram extensas reportagens sobre os workshops e entrevistaram os dois chefes portugueses.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos