(Z1) 2020 - CM de Vila do Bispo - Um concelho a descobrir
(Z4) 2021 - Concurso de Fotografia

AlgarveAcolhe 2020 já está online

AlgarveAcolhe 2020 já está online

A Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Algarve (CCDR Algarve) apresentou a nova versão da AlgarveAcolhe, num webinar com a participação de Carlos Miguel, secretário de Estado Adjunto e do Desenvolvimento Regional, onde também foi promovida a plataforma T-INVEST.

Neste encontro, que contou ainda com as intervenções de Francisco Serra (Presidente da CCDR Algarve), Vítor Neto (presidente do NERA – Associação Empresarial do Algarve), Joaquim Brandão Pires (Primeiro Secretário da AMAL – Comunidade Intermunicipal do Algarve), Paulo Bota (CCDR Algarve) e Ricardo Sena (WKT) deram conta das novidades da plataforma online AlgarveAcolhe, a qual tem vindo, desde 2008, a apoiar os investidores na seleção do melhor espaço para desenvolverem as suas actividades empresariais.

Com esta versão, um empreendedor que pretenda instalar uma nova actividade empresarial no Algarve ou queira relocalizar a sua empresa, poderá consultar a plataforma e encontrar informação georreferenciada das áreas de acolhimento empresarial e respetivos lotes, identificando valências, disponibilidades, acessibilidades e contactos, agora totalmente integrada com a Infraestrutura de Dados Espaciais do Algarve (IDEAlg), que tem a ambição de constituir um projecto de referência regional no âmbito dos sistemas de informação geográfica.

Construída no âmbito do projeto Revit+, uma parceria da CCDR Algarve com a AMAL e o NERA, a plataforma AlgarveAcolhe congrega a oferta regional de parques empresariais de iniciativa pública, privada, ou mista, que, embora partilhando visões e experiências distintas, aspiram de forma integrada a promover e divulgar as suas infraestruturas num âmbito nacional e internacional. Cofinanciada pelos fundos da União Europeia, através do CRESC ALGARVE 2020, assume os novos desafios à gestão e ordenamento das áreas de acolhimento empresarial, à sua administração, à competitividade das empresas instaladas e na forma como estas se relacionam.

No mesmo evento, António Ramos apresentou a Plataforma T-Invest, desenvolvida pelo Ministério da Coesão Territorial, um instrumento que agregará, sistematizará e divulgará a soma dos benefícios disponibilizados pelas autarquias a empreendedores e famílias, permitindo aos cidadãos terem acesso num único lugar ao conjunto de incentivos e apoios disponibilizados pelos municípios para a melhoria da competitividade dos seus territórios.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos