(Z1) 2024 - CM de Aljezur - Aljezur Sempre
(Z4) 2024 - CM Lagos - Agenda de Eventos

Perspectiva da AHRESP face ao aumento de facturação das empresas

Perspectiva da AHRESP face ao aumento de facturação das empresas

Recentemente, o Governador do Banco de Portugal, Mário Centeno, terá afirmado que o sector da restauração poderá superar em 2021 o volume de pagamentos de 2019, se conseguir manter o ritmo das últimas três semanas até ao final deste ano. Mário Centeno afirmou que o sector representa "um volume de negócios transaccionado, apenas por via digital e com cartões, superior a 5,5 mil milhões de euros, apenas no sector da restauração". 

A AHRESP considera positiva esta perspectiva, se vier a confirmar-se. Todavia, recorda que normalmente o inverno marca o início da época baixa, pelo que previsões assentes nas transacções em época alta poderão não ser realistas.

Adicionalmente, os aumentos nos preços da energia e dos combustíveis, que estão a afectar a economia nacional como um todo, têm também relevantes repercussões nos nossos sectores, nomeadamente na subida dos preços das matérias-primas e na escassez de alguns produtos, o que exige especial atenção por parte do Governo no que toca à necessidade de medidas específicas destinadas às nossas empresas para suportarem o aumento destes custos sem colocar em causa a sua competitividade.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos