(Z1) 2020 - CM de Vila do Bispo - Birdwatching
(Z4) 2021 - Reduzir o Desperdício

Saudação do Núcleo de Lagos do Movimento Democrático de Mulheres

Saudação do Núcleo de Lagos do Movimento Democrático de Mulheres

A luta das mulheres em Portugal e no Mundo pelos seus direitos e pela PazA luta das mulheres em Portugal e no Mundo pelos seus direitos e pela Paz

“O MDM - Movimento Democrático de Mulheres é um movimento com mais de meio século de existência, e que desde sempre manteve uma actividade marcada pela defesa dos direitos, e da igualdade entre homens e mulheres e pela sua emancipação.

O MDM é membro do Comité de Direcção da Federação Internacional de Mulheres (FDIM) é membro do Conselho Consultivo da Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género (CIG) do Conselho Económico e Social (CES) e da Rede de Apoio e Protecção às Vítimas de Tráfico.

Março, mês em que se realiza em todo o país várias iniciativas reafirmando o significado histórico do Dia Internacional da Mulher, como exposições, e debates que se debruçam sobre todos os problemas que afectam em geral todas as mulheres, assim como homens que anseiam por um mundo melhor, mais justo e pela PAZ no Mundo.

Em Lagos, tivemos no dia 7 de manhã, entrega de flores e poemas às mulheres, e documentos com as nossas reivindicações. De tarde deslocamos a Faro, para assistir a um excelente espectáculo” Gala Comemorativa do Dia Internacional da Mulher” realizada no Conservatório Regional do Algarve, Maria Campina, e como ponto alto destas comemorações destaca-se a grandiosa manifestação, no dia 8 de Março em Lisboa, que contou com milhares de mulheres de Norte a Sul do País, mulheres de organizações, associações, e colectividades.

É por isso que nos orgulhamos de pertencer a este colectivo de mulheres que se diferencia de outras  associações de mulheres, e que se assume como movimento de intervenção e de opinião que valoriza o legado histórico dos movimentos de mulheres que antes de nós lutaram contra a opressão, pela liberdade, a igualdade,  o direito ao voto, a redução do horário de trabalho, pelo pão para os seus filhos, e contra todas as injustiças sobre elas praticadas.

Continuaremos a nossa caminhada e contamos com todas as mulheres independentemente  das suas convicções políticas, ou religiosas, ou sem qualquer uma delas, para juntas contribuirmos para mudar o rumo da história, noutro sentido mais humano, mais solidário. 

O Núcleo de Lagos do MDM, saúda todas as mulheres que celebraram o Dia Internacional da Mulher, contribuindo para não esquecer o seu significado, saúda todas as mulheres que integraram a grandiosa manifestação em Lisboa, no dia 8 de Março, e saúda também todas as mulheres que neste momento difícil que o nosso país e o mundo atravessa, estão lutando para além de outros, mais este problema, e saúda ainda todos os profissionais de saúde que com grandes dificuldades estão a lutar para debelar este grande problema “ A PANDEMIA do CONVID-19”.

 

Pelo Núcleo de Lagos do M.D.M.

Maria Antónia Candeias

  • PARTILHAR   

Outros Artigos