(Z1) 2022 - CM de Vila do Bispo - Birdwatching
(Z4) 2022 - Projecto Águas Sem Fronteiras

PSD Algarve: Cristóvão Norte quer alteração à lei relativa à inação do Governo favorece o furto de alfarroba

PSD Algarve: Cristóvão Norte quer alteração à lei relativa à inação do Governo favorece o furto de alfarroba

Chegado o verão, uma vez mais, multiplicam-se os furtos de alfarroba por todo o Algarve. O aumento do preço do bem agrava muito esta situação, por estes dias sem paralelo, com o preço de 40 euros por arroba.

Sucede que, como é público, o Governo tem há um ano em sua posse, um anteprojeto de lei proposto por um grupo de trabalho constituído pela AGRUPA, a Direcção Regional de Agricultura e Pescas do Algarve, a GNR, a Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE), a Autoridade Tributária e Aduaneira e a Comunidade Intermunicipal do Algarve (AMAL) -, cujo objectivo é o de garantir maior protecção aos milhares de produtores de alfarroba. Estranhamente, o Governo não tomou nenhuma decisão e, por isso, a sua inação é cúmplice da vaga de furtos que se tem vindo a sentir.

A solução preconizada é a da inscrição obrigatória no IFAP - Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas - pelos compradores, o que para o PSD Algarve é um passo em frente, pois vai dificultar que quem furta consiga escoar o produto.

Cristóvão Norte, Presidente do PSD Algarve, entende que “não se compreende que o Governo não legisle sobre esta situação. A sua ausência de intervenção equivale a permitir que a situação se arraste. É infame que quem produza esteja a ser espoliado e veja o Estado de braços cruzados."

  • PARTILHAR   

Outros Artigos