(Z1) 2020 - CM de Vila do Bispo - Um concelho a descobrir
(Z4) 2022 - Projecto Águas Sem Fronteiras

Paulo Moniz Carreira, da Servilusa, integra Conselho Geral da CCP com APPSF

Paulo Moniz Carreira, da Servilusa, integra Conselho Geral da CCP com APPSF

A Direcção da APPSF-Associação Portuguesa dos Profissionais do Sector Funerário marcou presença na Cerimónia de Tomada de Posse dos Órgãos Sociais da CCP – Confederação do Comércio e Serviços de Portugal, para o quadriénio 2022/2025. Paulo Moniz Carreira, Director Geral de Negócio da Servilusa, participou na cerimónia na qualidade de presidente da APPSF e tomou posse como membro do Conselho Geral da CCP, na lista do presidente da Direcção reeleito, João Vieira Lopes.

A CCP tem afirmado o peso dos sectores de comércio de serviços, que representa enquanto Parceiro Social do Estado, defendendo o papel destes sectores na economia Nacional, onde representam mais de dois terços do PIB, do VAB e do Emprego.

A APPSF que integra igualmente a direcção da Federação Europeia de Serviços Funerários (European Federation of Funeral Services-EFFS), está particularmente focada na transposição da revisão de 2019 da norma europeia de Serviços Funerários (EN 15017) para Portugal, bem como adaptar a legislação dos serviços funerários ao contexto e desafios da sociedade actual.

Recorde-se que com esta revisão da norma europeia de Serviços Funerários surge pela primeira vez o princípio da utilização de urnas sustentáveis, produzidas com materiais biodegradáveis, a par da necessidade de um quadro formativo para a actividade funerária.

Legenda da Imagem:

1. Fotografia da toma de posse dos Órgãos Sociais da CCP para 2022/2025.

Mais informações em:

https://www.servilusa.pt

https://www.appsf.pt/

Sobre a Servilusa

A Servilusa é a maior e mais moderna empresa funerária do país, detida a 100% pela empresa de serviços funerários Mémora, cujo capital é detido maioritariamente pelo Ontário Teachers´Pension Plan. A Servilusa, que detém 66 agências em todo o país, conta com mais de 320 colaboradores nos seus quadros.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos