(Z1) 2024 - CM de Vila do Bispo - Festival do Perceve
(Z4) 2024 - CM Lagos - Agenda de Eventos

Município de Lagos aprova voto de pesar em memória de José Veloso

Município de Lagos aprova voto de pesar em memória de José Veloso

Faleceu, no passado dia 19 de janeiro, José Veloso, figura incontornável da intervenção cívica e política que ficará, para sempre, associada aos movimentos pela emancipação dos povos, pela democracia, o progresso social, a paz e o socialismo. 

Em sua memória e homenagem, a Câmara Municipal de Lagos aprovou um voto de pesar e cumpriu um minuto de silêncio, expressando à sua família e amigos as mais sentidas condolências.

Natural de Lagos, onde nasceu em 1930, José Veloso formou-se em Arquitetura e à sua terra natal regressou para exercer, em gabinete próprio, esta profissão, no âmbito da qual se viria a destacar. Envolvendo-se ativamente com o Fundo de Fomento da Habitação para ajudar a cumprir uma das maiores conquistas da Revolução de Abril, trabalhou, como coordenador de equipas de projeto do Serviço de Apoio Ambulatório Local (SAAL), em diversos concelhos algarvios. Dedicou a sua atividade profissional quase exclusivamente a projetos de equipamentos públicos, de habitação de promoção municipal e de habitação cooperativa, com obras construídas em concelhos algarvios e alentejanos, tendo recebido menções honrosas do Fundo de Fomento da Habitação em projetos de habitação cooperativa, de que é exemplo a Cooperativa 30 de Junho, no Chinicato (freguesia de São Gonçalo/Lagos), e o título de membro honorário da Ordem dos Arquitetos.

A par da atividade profissional, teve um papel político ativo, antes e depois do 25 de abril, participando, em 1969, no Movimento Democrático Português/Comissão Democrática Eleitoral (MDP/CDE) como candidato da CDE, por Faro, à Assembleia Nacional e, em 1975, como candidato à Assembleia Constituinte, pelo MDP-CDE. Candidato do PCP em diversas eleições para a Assembleia da República, foi membro da Assembleia Municipal de Lagos, nas listas da APU e da CDU, em vários mandatos e vereador na Câmara Municipal de Lagos, eleito pela APU, no mandato de 1983 a 1985, bem como membro da Comissão Organizadora da Assembleia Constituinte da Associação Nacional dos Municípios Portugueses, ANMP. Integrou, igualmente, a Comissão Concelhia de Lagos e foi membro da direção da Organização Regional do Algarve do PCP.

Homem de múltiplos interesses, colaborou regularmente com artigos de opinião na imprensa regional algarvia e editou vários livros, a maior parte dos quais dedicados ao tema do mar, da vela e das embarcações, área a que se dedicou, participando na fundação do Clube de Vela de Lagos, em 1950, do qual foi presidente da Direção e Comodoro em vários mandatos, e de outras estruturas associativas.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos