(Z1) 2020 - CM de Vila do Bispo - Um concelho a descobrir
(Z4) 2021 - Concurso de Fotografia

"Hora do Planeta" celebrada digitalmente por todo o mundo

"Hora do Planeta" celebrada digitalmente por todo o mundo

A 20 dias da "Hora do Planeta", por todo o mundo estão a ser preparadas iniciativas pelo combate às alterações climáticas. Este ano, o evento debruça-se sobre a Água e Alterações Climáticas, pedindo a todos para apagarem a luz durante uma hora para mostrarem o seu compromisso para com o planeta.

A "Hora do Planeta", o reconhecido evento da WWF (World Wide Fund for Nature), irá juntar, mais uma vez, milhões de pessoas em todo o mundo para uma acção simbólica em defesa da natureza. Em Portugal, o evento digital vai decorrer na hora do apagão, entre as 20:30 e as 21:30 horas.

Para Ângela Morgado, Directora executiva da ANP|WWF, «a "Hora do Planeta" é uma iniciativa global que junta cidadãos conscientes da urgência climática em que vivemos, mas sobretudo cidadãos empenhados em pressionar decisores políticos e empresas a agir para mitigar as alterações climáticas. No dia 22 de Março será lançado um relatório conjunto entre a ANP [Associação Natureza de Portugal] | WWF e WWF Espanha sobre os impactos das alterações climáticas na Península Ibérica, que revela os enormes desafios que enfrentaremos nos próximos anos, no que diz respeito aos recursos de água doce disponíveis e saúde dos ecossistemas deste território».

Eventos climáticos extremos, como devastadores incêndios e o surto de Covid-19, realçam a importância de prevenir a perda da natureza sendo esta vital para salvaguardar o futuro da Terra. Neste sentido, a "Hora do Planeta" é uma oportunidade para organizações da sociedade civil, cidadãos, empresas e ambientalistas apelarem aos líderes mundiais para que coloquem a natureza num caminho de recuperação até 2030.

«Ecossistemas saudáveis são essenciais para sociedades prósperas, equitativas e sustentáveis. O actual modelo socioeconómico está a provocar a destruição devastadora da natureza, que por sua vez aumenta a nossa vulnerabilidade a pandemias, acelerando as alterações climáticas e colocando em risco os meios de subsistência», afirmou Marco Lambertini, Director da WWF Internacional. Lambertini diz também que «2021 é um ano crucial para a humanidade. Com o mundo a tentar recuperar da devastação da pandemia da Covid-19 e a reconstruir-se, precisamos de colocar a natureza no centro dos nossos esforços de recuperação para as nossas economias e sociedades. A "Hora do Planeta" é um momento crítico para cidadãos, líderes e ambientalistas se unirem e apelarem a uma acção urgente para inverter a perda da natureza e assegurar um mundo positivo para a natureza até 2030».

Nos últimos 14 anos, a iniciativa Hora do Planeta envolveu várias empresas. Este ano, conta já com o apoio da Procter&Gamble, Finish, El Corte Inglês e nela participam também a ADENE, Herdade da Cortesia Hotel, Unilever – Ben&Jerry's e SONAE – Continente.

A partir de 15 de Março, serão lançados desafios semanais nas redes sociais da ANPlWWF, promovidos por algumas destas empresas e dirigidos a todos os que pretendem compreender mais sobre gestão adequada dos recursos naturais como a água e assim, fazer parte deste movimento global de consciencialização para a preservação do nosso planeta.

A "Hora do Planeta" pretende envolver pessoas, empresas e municípios, contando com, até à data, 18 municípios e 8 organizações empenhadas em marcar a diferença, levantando a voz pela natureza e assumindo compromissos ambientais que protejam a natureza e assegurem um futuro com mais água para todos.

Na última década, a "Hora do Planeta" inspirou milhões de pessoas promovendo o apoio e participação em projevtos importantes relacionados com o clima e com a conservação, liderados pela WWF, e que ajudaram a impulsionar a política climática, a consciencialização e a acção.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos