(Z1) 2024 - CM de Aljezur - Aljezur Sempre
(Z4) 2024 - CM Lagos - Marchas Populares

Eleita a nova Comissão Coordenadora Concelhia do BE/Portimão

Eleita a nova Comissão Coordenadora Concelhia do BE/Portimão

No passado dia 26 de Novembro foi eleita a nova Comissão Coordenadora Concelhia do Bloco de Esquerda de Portimão, para o biénio 2022-2024, concorrendo apenas uma lista com o lema: “Um Bloco mais dinâmico, plural e alternativo no concelho de Portimão”.

Os elementos da nova CCC do BE/Portimão são os seguintes:

António Sérgio Luís, auxiliar de jardineiro; Bruno Lourinho, empregado de mesa; Edeme Maria Santos, enfermeira especialista; João Vasconcelos, professor; José Basílio, jurista; Joaquina Lourenço, governanta geral de andares; Marco Pereira, psicólogo; Maria Rosa Dias, socióloga; Miguel Madeira, economista; Marilu Batista, auxiliar de ação direta; e Pedro Mota, técnico de gestão postal.

A nova Coordenadora Concelhia do BE/Portimão irá centrar a sua actividade nos próximos 2 anos em torno dos seguintes eixos centrais:

  1. Combate intransigente, em articulação com o bloco nacional e regional, à maioria absoluta do PS e a todo e qualquer tipo de austeridade e exploração, reais ou encapotadas, seja da parte do Governo Português ou provenientes da União Europeia.
  2. Luta determinada e intransigente à maioria absoluta do PS/Portimão e a qualquer tipo de populismo e extremismo de direita no concelho, procurando reforçar o Bloco, mais dinâmico, plural e alternativo no concelho de Portimão, ao serviço das classes populares e dos necessitados e desprotegidos.

Com o Bloco de Esquerda as pessoas estão sempre em 1º lugar. A nível do concelho de Portimão as linhas programáticas bloquistas irão assentar em torno das seguintes vertentes fundamentais:

  • Responder à crise e, em particular, às necessidades sociais através do reforço das políticas sociais, mais e melhor habitação, no combate ao desemprego, à pobreza e exclusão social.
  • Apostar no desenvolvimento local sustentável, melhor ambiente e na criação de emprego.
  • Lutar por uma melhor qualidade de vida e pela justiça fiscal.
  • Rigor, transparência absoluta e combate intransigente a qualquer tipo de corrupção.
  • Participação e reforço da democracia participativa.
  • Ampliar o número de aderentes e reforçar a capacidade organizativa e de intervenção do Bloco de Esquerda em Portimão.
  • PARTILHAR   

Outros Artigos