(Z1) 2020 - CM de Vila do Bispo - Birdwatching
(Z4) 2021 - Reduzir o Desperdício

Direito de Resposta do Secretariado do PS de Aljezur às entrevistas de Manuel Marreiros

Direito de Resposta do Secretariado do PS de Aljezur às entrevistas de Manuel Marreiros

Com respeito às entrevistas realizadas pelo CL a Manuel Marreiros, infra remete-se o Direito de Resposta do Secretariado do Partido Socialista de Aljezur.

Porque o Partido Socialista e a sua gestão autárquica são recorrentemente visados nas entrevistas do candidato Manuel Marreiros a esse jornal, impõe-se a verdade:

.

1 – Em dezembro de 2020 disse ao CL “Não aceito ser candidato por algum partido a não ser pelo Partido Socialista”, muito embora nunca tenha questionado o PS Aljezur sobre essa possibilidade.

.

2 – Em agosto de 2021 afirmou “Quando coloquei a hipótese de concorrer à Câmara Municipal já sabia que não iria ser pelo PS”. No entanto é do nosso conhecimento que fez vários contactos a personalidades do PS nesse sentido.

O PS Aljezur, em Comissão Política, decidiu aprovar o nome de José Gonçalves como seu candidato à Câmara Municipal e nunca teve dúvidas quanto à escolha do candidato.

.

3 – Refere: “os partidos só aparecem quando há eleições”;

O PS esteve sempre presente e mostrou-lhe toda a sua gratidão pelo trabalho desenvolvido. O PS, solidário, esteve sempre ao seu lado e nunca o abandonou, até mesmo no processo judicial em que se viu envolvido que o levou à perda de mandato e prisão com pena suspensa, que ainda mantém.

.

4 – “O investimento é nulo”, “deixei projetos de execução prontos e que depois ficaram na gaveta”, “aproveitar fundos comunitários”, referiu a esse jornal;

Este executivo nunca perdeu o foco para encontrar uma solução definitiva para os compromissos assumidos, obras e financiamentos comunitários. Passaram 20 anos… esses tais projetos que diz que ficaram “na gaveta” estão completamente desatualizados, desajustados e desenquadrados da legislação atual. Não são exequíveis nem respondem aos quadros comunitários de hoje!

O anterior e o atual executivo, liderado por José Gonçalves, implementou soluções que reduziram o grau de gravidade de muitas questões que persistiam desde os seus tempos de governação.

.

5 – “Não há rumo”: refere o Sr. Manuel Marreiros;

O PS Aljezur, os seus militantes, autarcas, simpatizantes, têm um rumo bem definido.

Esta afirmação é uma clara demonstração de quão desatento esteve Manuel Marreiros nestes últimos anos da política ativa no concelho e, sobretudo, demonstra o seu total desinteresse por Aljezur!

Lamentamos profundamente que Manuel Marreiros venha agora desdenhar e criticar violentamente aqueles que estiveram ao seu lado, de uma lealdade inquestionável e não aceitamos a desvalorização ou desclassificação destes homens e mulheres, particularmente José Gonçalves, em quem acreditamos ser o mais capacitado, experiente e confiável para assumir os destinos políticos de Aljezur.

.

Pelo Secretariado do PS Aljezur

13/08/2020

  • PARTILHAR   

Outros Artigos