(Z1) 2024 - CM de Aljezur - Aljezur Sempre
(Z4) 2024 - CM Lagos - Marchas Populares

Aspirante Geoparque Algarvensis participa na 10.ª Conferência Internacional sobre Geoparques Mundiais da UNESCO e assina acordo de parceria com Geoparque M’ Goun de Marrocos

Aspirante Geoparque Algarvensis participa na 10.ª Conferência Internacional sobre Geoparques Mundiais da UNESCO e assina acordo de parceria com Geoparque M’ Goun de Marrocos

O aspirante Geoparque Algarvensis, que está a preparar a sua candidatura a geoparque Mundial UNESCO, participou de 7 a 9 de Setembro, na 10.ª Conferência Internacional sobre Geoparques Mundiais da UNESCO, evento bienal que este ano se realizou em Marraquexe.

Nesta conferência o aspirante Algarvensis preparou uma apresentação sobre o GeoPalcos – Arte.Ciência. Natureza e celebrou um Acordo de Parceria com o Geoparque Mundial da UNESCO – M´Goun, o Geoparque mais antigo do Mundo e o único Geoparque marroquino.

Trata-se de um evento que reúne membros dos geoparques de todo o mundo, cientistas, geólogos, académicos, estudantes, empresas, e mesmo pessoas em nome individual, que de alguma forma estão ligados ou interessados no património geológico como motor de um desenvolvimento socioeconómico sustentável em locais com excecional interesse geológico, paleontológico, ou geomorfológico, e que se assume como motivo de visita a uma região.

Tendo em conta o trágico sismo que ocorreu no passado dia 8 de setembro em Marraquexe, o aspirante Geoparque Algarvensis manifesta publicamente a sua solidariedade para com o povo marroquino, e para com os membros do Geoparque M´goun, entidade acolhedora do evento, que exposto a tão dura prova, com perda de vidas e muita destruição à volta, conseguiram encerrar o evento, providenciando apoio logístico e informação adequada, por forma a manter os cerca de 1.500 participantes juntos e coesos, atendendo à necessidade de interrupção dos trabalhos e dos programas paralelos da conferência.

Trata-se do encontro mais importante a ser organizado pela Rede Global de Geoparques Mundiais UNESCO – GGN, onde os representantes e membros das equipas técnicas dos Geoparques UNESCO de todo o mundo se encontram para troca conhecimentos e partilha de experiências sobre a constituição e gestão de geoparques.

Reunindo especialistas de todo o mundo para partilha experiências numa ampla variedade de temas, como a geodiversidade, biodiversidade, educação, turismo sustentável, conservação do património geológico e cultural, alterações climáticas, desenvolvimento sustentável, partilha de experiência e cooperação entre geoparque, onde é incluído um espaço para os aspirantes se apresentarem, com é o caso do Algarvensis.

A Rede Global de Geoparque incentiva a cooperação e a troca de experiências entre os diversos geoparques, sendo uma das conformidades a ser apreciada pela UNESCO, aquando da validação dos processos de candidatura dos geoparques, e neste sentido, no dia 9 de Setembro, pelas 13h00, o Aspirante Geoparque Algarvensis assinou com o Geoparque Mundial da UNESCO M' Goun (Marrocos), um acordo de parceria que abrange uma variedade de temas de colaboração, cuja implementação será realizada segundo vários métodos de reflexão, estratégias partilhadas, co-organização de reuniões, publicações, comunicação e ações conjuntas com o objetivo de atuar na proteção, preservação, restauração, e valorização o património natural e cultural de dois territórios através de uma visão ética.

No que diz respeito aos projetos a serem desenvolvidos pelos dois territórios e respetivas competências dos dois geoparques, foram identificados cinco eixos temáticos prioritários, sobre os quais se pretende desenvolver ações comum, nomeadamente:

- Comunicação e Educação sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável;

- Troca de Experientes e Trabalho em Rede;

- Conhecimento Científico, Pesquisa, Formação e Suporte Técnico;

- Desenvolvimento comunitário e socioeconómico, e;

- Turismo Sustentável.

Estabelecido em 2014, o Geoparque M’Goun é o único geoparque no Magrebe, e o primeiro estabelecido no continente africano, presidindo desde 2019 à Rede Africana de Geoparques das Nações Unidas (AUGGN).

  • PARTILHAR   

Outros Artigos