(Z1) 2024 - CM de Aljezur - Aljezur Sempre

“A alegação ambiental Fly greener da Sata foi retirada?”

“A alegação ambiental Fly greener da Sata foi retirada?”

A DECO INFORMA…

Depois da denúncia da DECO contra a Sata Azores Airlines, e na sequência de uma ação de fiscalização da DGC, a transportadora retira alegação enganosa “fly greener”.

A aviação é um setor altamente poluente. No entanto, e como a DECO tem evidenciado nas suas posições, numa tentativa de parecerem mais “verdes”, são cada vez mais as companhias aéreas a fazer alegações relacionadas com o impacte no clima.

Em junho, a DECO fez uma denúncia após constatar que a Sata Azores Airlines no seu sítio na internet, associava a sua marca à expressão «fly greener», ao mesmo tempo que informava que seria aplicada a taxa de carbono, seguindo o compromisso de ter um meio ambiente mais puro e um setor de aviação mais ecológico.

A alegação sugeria indevidamente que a companhia voa de forma menos prejudicial para o ambiente, sem discriminar qualquer método de avaliação subjacente à comparação, e remetendo apenas para a aplicação da taxa de carbono que não corresponde sequer a um esquema de compensação de emissões de carbono da companhia, mas a uma obrigação prevista na lei.

Por considerar que a alegação de voar de forma mais verde, era suscetível de induzir em erro os consumidores, a DECO levou a prática ao conhecimento da Direção-Geral do Consumidor. Entretanto, e no seguimento de ação de fiscalização desencadeada, a Direção-Geral do Consumidor fez saber que, no âmbito de compromissos para encerrar o processo, a transportadora removeu a expressão “fly greener.”

Denunciar é importante para retirar alegações enganosas do mercado!

Se foi alvo de uma prática semelhante, faça-nos chegar a sua reclamação através do email deco@deco.pt e/ou através da linha de WhatsApp 966 449 110.

  • PARTILHAR   

Outras Opiniões

: