(Z1) 2020 - CM de Vila do Bispo - Um concelho a descobrir
(Z4) 2023 - CM Lagos - Natal

Escola de Hotelaria e Turismo do Algarve arranca ano letivo com mais alunos inscritos

Escola de Hotelaria e Turismo do Algarve arranca ano letivo com mais alunos inscritos

Cerca de 3 centenas querem ser os próximos profissionais do Turismo

Na escola de Hotelaria e Turismo do Algarve, localizada em Faro, o ano letivo começa com mais de 260 alunos inscritos - 10 turmas de iniciação e 9 de continuidade – abrangendo as áreas de formação de Cozinha, Pastelaria, Restauração e Bebidas, Hotelaria/ Alojamento e Gestão de Turismo.

A estes alunos irão ainda juntar-se algumas dezenas de candidatos internacionais, nomeadamente dos Países de Língua Oficial Portuguesa, que nesta altura se encontram ainda a tratar do processo de deslocação e matrícula.

Para a diretora da escola de Hotelaria e Turismo do Algarve, Paula Vicente, estes números revelam que algo está a mudar: «O setor do Turismo volta a suscitar o interesse dos jovens, o que nos enche de orgulho e de responsabilidade!

Damos início a um novo ano letivo com um aumento no número de alunos, o que nos permite abrir mais turmas nos cursos que compõem a nossa oferta formativa para 2023/2024. Tanto nos cursos para os detentores do 9º ano de escolaridade, como nos cursos pós-secundários, notámos um crescimento no número de candidatos, e na posterior vinculação à nossa Escola, seja por parte de jovens nacionais ou estrangeiros».

Angola encabeça a lista das nacionalidades que mais marcam presença na escola de Turismo do Algarve, num ano em que a fase de candidaturas para alunos internacionais registou o dobro de processos em relação ao ano anterior. Para além de Angola, a EHTA foi procurada também por muitos jovens do Brasil, Guiné-Bissau, Cabo-Verde, Moçambique, Nepal, Ruanda e Nigéria.

Este aumento da procura por parte de alunos internacionais, e também nacionais, verificou-se nos 12 estabelecimentos de ensino da rede de escolas do Turismo de Portugal: 52% de aumento de candidatos no Regime Especial de Acesso e Ingresso de Estudantes Internacionais e 22% no Regime Geral.

O curso de Técnico de Cozinha e Pastelaria é atualmente o mais popular entre os jovens que terminaram o 9º ano e se candidataram à EHTA. O número elevado de inscritos levou mesmo à criação de 2 turmas de 1º ano.

Os cursos das áreas de Restauração e Bebidas despertaram também especial interesse por parte dos jovens neste ano letivo, em comparação com os anos anteriores. Curiosamente, o curso de Gestão de Turismo foi o mais procurado pelos alunos que concluíram o 12º ano, destronando o curso de Gestão e Produção de Cozinha, tradicionalmente o mais concorrido.

As necessidades do mercado e a procura de profissionais qualificados ditou também o relançamento neste ano letivo de um dos cursos (pós 12º ano) mais procurados na escola do Algarve: Gestão e Produção de Pastelaria.

Tornar as profissões do Turismo mais atrativas, fazer crescer o número de profissionais e promover a sua qualificação são alguns dos objetivos da Agenda para as Profissões do Turismo, uma iniciativa governamental, composta por várias medidas que já se encontram em desenvolvimento.

O Dia Mundial do Turismo, dia 27 de outubro, marcou o arranque oficial do ano letivo nas escolas do Turismo de Portugal. A Aula Inaugural decorreu na Escola de Hotelaria e Turismo do Algarve e contou com a presença do Secretário de Estado do Turismo, Comércio e Serviços, Nuno Fazenda.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos