(Z1) 2020 - CM de Vila do Bispo - Um concelho a descobrir
(Z4) 2022 - Projecto Águas Sem Fronteiras

Vela: Lagos tem tudo a postos para receber catamarãs voadores

Segunda etapa do circuito GC32 Racing Tour realiza-se de 22 a 26 de Junho e o Mundial da classe decorre de 13 a 17 de Julho
Vela: Lagos tem tudo a postos para receber catamarãs voadores

Estão prestes a chegar a Lagos as equipas que estiveram a disputar a etapa inaugural do circuito GC32 Racing Tour, que se realizou em Riva Del Garda, em Itália.

Em Lagos, o arranque para a segunda etapa terá um ‘toque’ português já que na liderança do circuito está a nova equipa Alinghi Red Bull Racing – SUI 8, onde se integra o português João Cabeçadas. No segundo lugar do circuito, segue a equipa Rockwool Racing, com outro grande velejador português, Renata Conde.

Na Marina de Lagos, estão já 4 das 10 equipas que vão estar a disputar a segunda etapa do circuito, de 22 a 26 de Junho e depois o Mundial da classe, de 13 a 17 Julho, regatas que contam como terceira etapa do GC32 Racing Tour.

O novo pontão dedicado exclusivamente a eventos náuticos será a grande novidade em termos de infraestruturas para estas provas de 2022.

As excelentes condições encontradas em Lagos por estas equipas, que competem na America’s cup e algumas também no SailGP, o maior circuito mundial de vela, levaram a que no último inverno muitas escolhessem estas águas do sul do país para estabelecerem o seu próprio ‘training camp’ e realizarem os intensos estágios de preparação.

«No ano passado já tínhamos tudo praticamente pronto, e este inverno quando a classe GC32 fez aqui a sua base de treinos já estava tudo conforme vai estar nestes dois eventos. Muitos contentores estão aqui desde Outubro. Hoje em dia, a maior parte das equipas de terra e velejadores já estão aqui como em casa. Agora temos muitos parentes do GC32 em nossa casa, sem esquecer o João Cabeçadas e o Renato Conde que tanto nos têm ajudado», refere Hugo Henriques, Administrador da Sopromar, o Centro Náutico onde funcionará toda a base logística dos dois eventos.

Lagos confirma-se, assim, como um dos palcos privilegiados, a nível mundial, para a realização das provas do circuito GC32, competição que reúne os melhores velejadores mundiais e é uma espécie de ensaio para a mítica America’s Cup.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos