(Z1) 2020 - CM de Vila do Bispo - Um concelho a descobrir
(Z4) 2024 - CM Lagos - Arte Doce

“Concertos ao Entardecer” regressam à Fortaleza de Sagres com Afonso Cabral, Ana Lua Caiano e Chica

“Concertos ao Entardecer” regressam à Fortaleza de Sagres com Afonso Cabral, Ana Lua Caiano e Chica

A Fortaleza de Sagres recebe nos próximos domingos, dias 10, 17 e 24 de setembro, o ciclo de “Concertos ao Entardecer”, integrado no programa DiVaM – Dinamização e Valorização dos Monumentos, que tem este ano como tema “Patrimónios (des)confortáveis”.

O ciclo “Concertos ao Entardecer”, um projeto promovido pela Associação ArQuente, conta com um historial de vários anos na Fortaleza de Sagres. Tem como finalidade aliar projetos musicais emergentes, essencialmente do panorama nacional, a uma componente humana, paisagista, arquitetónica, histórica e através de sonoridades ecléticas, proporcionar ambientes intimistas nesta zona da finisterra do barlavento algarvio.

Este domingo, dia 10 de setembro, Afonso Cabral irá abrir este ciclo. Conhecido pelo seu trabalho enquanto vocalista dos You Can’t Win, Charlie Brown, Afonso Cabral apresentou, em 2019, o primeiro disco em nome próprio e em português. Elemento habitual da banda que acompanha Bruno Pernadas e Minta & The Brook Trout em palco, Afonso Cabral estreou-se na escrita de canções a solo com “Perto”, interpretado por Cristina Branco. Escreveu, depois, com Francisca Cortesão, “Anda Estragar-me Os Planos”, para o Festival da Canção – que foi alvo de uma nova versão por Salvador Sobral e, mais tarde, Tim Bernardes. “Morada” foi apresentado ao vivo no festival Bons Sons num formato intimista e, posteriormente, no palco do Centro Cultural de Belém, em Lisboa, com a formação de 14 elementos que gravou o álbum.

Afonso Cabral - “Morada” https://www.youtube.com/watch?v=JLkM3JkGJzg

No domingo, dia 17 de Setembro, o concerto será com Ana Lua Caiano. A artista explora a fusão musical, através da junção da música tradicional portuguesa com música eletrónica e “sons do dia-a-dia”. A sua música traz a herança tradicional portuguesa para o mundo moderno, eletrónico e tecnológico. Ao vivo, atua em formato “one woman show”, com um sintetizador, uma loop station, um microfone, um bombo e vários instrumentos percussivos, que através da sobreposição de loops lhe permitem criar várias camadas sonoras e ambientes, sozinha e em tempo real.

Ana Lua Caiano – “Cinco Sentidos” https://www.youtube.com/watch?v=vridGvc8PBg

A 24 de setembro, no âmbito das Jornadas Europeias do Património e para encerrar o ciclo, a Fortaleza de Sagres recebe o concerto de Chica. A música de Chica surge da implosão política e pessoal que caiu no seu lugar mais natural: a canção. "Brincar com o Cão" (2020) foi o seu primeiro single do seu projeto a solo. Em 2022, estreia o EP “Cada Qual no seu Buraco”. A sonoridade deste disco movimenta-se entre os sons do folk, antifolk e jazz, e o seu elemento principal é o diálogo: desde as letras que pretendem ser ouvidas no lugar de amigo, à sonoridade construída sobre uma troca de géneros e abordagens.

Chica – “Brincar com o Cão” https://www.youtube.com/watch?v=jd1a7z6Pfvk

Todos os concertos têm hora marcada às 17h30 e são de entrada livre, embora sujeita a reserva antecipada, através do email arquente@gmail.com

O programa do DiVaM está disponível aqui.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos