(Z1) 2020 - CM de Vila do Bispo - Birdwatching

Município de Lagos investe na requalificação de espaços verdes urbanos

Município de Lagos investe na requalificação de espaços verdes urbanos

A Câmara Municipal de Lagos divulgou hoje, dia 27 de Julho, que vai dar continuidade à manutenção dos espaços verdes urbanos através da contratação de serviços externos.

A decisão de adjudicação foi ratificada na última Reunião Ordinária e compreende a aquisição de serviços para um período de 36 meses, no valor global de 1 milhão e 134 mil euros.

A exigência de afectação de mais meios humanos e materiais, a recuperação de canteiros e a valorização dos jardins da cidade, com mudança de plantas consoante a época do ano, assim como uma fiscalização mais rigorosa e apertada relativamente ao cumprimento das obrigações contratuais, são algumas das características deste novo procedimento que visa, em última instância, afirmar Lagos como uma cidade mais verde, mas também mais florida.

Neste sentido, está agora em em curso a implementação de vários projectos que visam optimizar a manutenção dos espaços verdes e, simultaneamente, reduzir o consumo de água utilizada na rega. Um deles é o sistema de rega urbana inteligente, que permite identificar consumos excessivos ou roturas e dosear a rega em função das condições meteorológicas. Esta solução, que pressupõe a instalação de todo um sistema tecnológico de software e hardware, com os necessários equipamentos de gestão (plataforma electrónica), comunicação (antenas da rede LoRa) e rega (caixas de comando, medidores de caudal e electroválvulas), está associado a uma estação meteorológica que faz a análise de vários indicadores e, em função dos mesmos, emite ordens para a rega, ajustando a sua frequência e caudal.

Este é um dos projectos previstos no protocolo de colaboração celebrado em Setembro de 2020 entre a Câmara Municipal de Lagos e a Agência Portuguesa do Ambiente (APA), aquando da Sessão Pública de Apresentação do Plano Regional de Eficiência Hídrica do Algarve, os quais serão co-financiados pela APA. Numa primeira fase, será contemplada a instalação de 76 caixas de comando e medidores de caudal e, numa segunda, mais 86.

O Parque da Cidade, o Jardim da Constituição, a Avenida dos Descobrimentos e as zonas ajardinadas de rotundas são alguns dos espaços abrangidos pelo referido projecto.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos